No 4.º trimestre de 2017

Preço mediano de alojamentos familiares na RAM subiu para 1 126 euros/m2 

No 4.º trimestre de 2017 (últimos 12 meses), na RAM, o preço mediano de alojamentos familiares foi de 1 126 euros/m2, correspondendo ao valor mais elevado observado desde o 1.º trimestre de 2016 (1.º período da série), mantendo-se também acima da média nacional (932 euros/m2). Comparativamente aos trimestres anterior e homólogo, os crescimentos foram de 2,9% e 10,0%, respetivamente. Note-se ainda que o valor do segmento dos alojamentos novos (1 212 euros/m2) continua a superar o valor dos alojamentos existentes (1 088 euros/m2) em 124 euros/m2.

Para os apartamentos, o valor observado na RAM (1 249 euro/m2) foi, de modo significativo, superior (20,8% acima) ao verificado para o conjunto do país (1 034 euros/m2), sendo que para os apartamentos existentes o diferencial acentuou-se, com o valor regional (1 217 euros/m2) a se situar 21,7% acima do de Portugal (1 000 euros/m2).

No Funchal, o preço mediano da habitação no 4.º trimestre de 2017 fixou-se em 1 385 euros/m2, o que significa que este município foi o único da RAM a registar um valor acima da média regional (mais 259 euros/m2). Neste município, o preço dos alojamentos novos (1 524 euros/m2) foi igualmente superior ao preço dos alojamentos existentes, sendo a diferença (207 euros/m2) entre estes dois indicadores superior à apurada para o conjunto da Região (124 euros/m2).

Para além do Funchal, o município do Porto Santo, embora registando um preço abaixo da média da RAM, destaca-se, visto apresentar um valor de expressão considerável, acima dos mil euros (1 037 euros/m2). Os valores mais baixos foram observados em Santana (450 euros/m2) e Porto Moniz (484 euros/m2).

Precos 4t2017

Nas freguesias da cidade do Funchal, o destaque vai para a freguesia de São Martinho que apresentou, no 4.º trimestre de 2017, valores (1 569 euros/m2) bastante superiores à média da cidade (1 385 euros/m2, coincidindo os valores da cidade com os do município), para a totalidade dos alojamentos. Seguem-se a agregação das freguesias centrais (São Pedro, Santa Luzia e Sé), com 1 345 euros/m2, e a freguesia de Santo António, com 1 294 euros/m2. As freguesias mais orientais (Santa Maria Maior e São Gonçalo) e a agregação S. Roque, Monte e Imaculado Coração de Maria registaram os valores mais baixos e abaixo da média (1 223 euros/m2  e 1 070 euros/m2, respetivamente).

No 4.º trimestre de 2017, na RAM, o preço mediano das vendas de alojamentos de tipologia T0 ou T1 foi 1 193 euros/m2, o mais elevado se comparado com as restantes tipologias (T2, 1 069 euros/m2; T3, 1 176 euros/m2; T4 ou superior, 877 euros/m2). Na cidade do Funchal, os valores registados nas quatro tipologias em análise foram de forma expressiva superiores aos verificados na RAM, tendo os T0 ou T1 registado igualmente o valor mais elevado (1 525 euros/m2) e os T4 ou mais o valor mais baixo (1 068 euros/m2).