tableaupublic            

"Uma porta aberta para 

um Universo de Informação Estatística"

Menu

Portal de Estatísticas Oficiais

tableaupublic            

Newsletters

Não perca tempo, subscreva já as nossas newsletters e passe a receber informação na hora...

Subscrever

Subscreva as nossas newsletters:

Newsletters

Não perca tempo. Subscreva as nossas newsletters e passe a receber informação na hora...

Referente ao ano de 2018

DREM divulga a publicação das Estatísticas do Comércio Internacional

A DREM disponibiliza hoje a publicação anual das “Estatísticas do Comércio Internacional”, que inclui os resultados provisórios relativos ao ano de 2018. Para permitir comparações interanuais, os quadros contemplam também os resultados definitivos de 2016 e 2017.

Nesta publicação do Comércio Internacional de Bens, é apresentada informação regional sobre as trocas comerciais de bens com a União Europeia e os Países Terceiros, a partir dos dados declarados pelas empresas com sede na Região.

Foi incluída informação sobre a exportação e importação (em ambos os casos desagregada em intra e extra-comunitária) por:

- Grupo de produtos

- Secção e capítulo da Nomenclatura Combinada (NC)

- Classificação por Grandes Categorias Económicas (CGCE)

- Classificação de Produtos por Atividades (CPA)

- Classificação das Atividades Económicas (CAE-Rev.3)

- Ranking dos principais países com os quais a RAM faz trocas comerciais

- Ranking dos principais grupos de produtos transacionados.


Análise dos principais resultados

De acordo com os dados provisórios de 2018 relativos ao Comércio Internacional de Bens, o saldo comercial das transações de bens registou um superavit de cerca de 54,9 milhões de euros, algo que sucede pela segunda vez desde que existem dados disponíveis (desde 1976) neste domínio, e de forma mais pronunciada. Com efeito, o saldo positivo na Balança Comercial com o estrangeiro em 2017 havia sido de 4,1 milhões de euros.

A análise por tipo de fluxo mostra que quer as exportações (+49,4%) quer as importações (+16,7%) registaram um aumento em 2018, mais expressivo no primeiro caso do que no segundo, resultando numa melhoria do saldo da balança comercial de bens acima mencionado. Em termos globais, as exportações rondaram os 228,9 milhões de euros, enquanto as importações superaram os 174,0 milhões de euros, traduzindo uma taxa de cobertura das importações pelas exportações de 131,5% (102,7% em 2017).

O aumento das exportações foi essencialmente determinado pelas transações comerciais de bens com os países Extra-UE, que passaram de 105,0 milhões de euros em 2017 para 140,7 milhões de euros em 2018. As exportações para países Intra-UE rondaram os 88,2 milhões de euros em 2018, valor acima dos 48,2 milhões de euros contabilizados em 2017.

O incremento nas importações de bens foi igualmente transversal aos dois tipos de comércio, o intra e o extracomunitário. No primeiro caso, as importações atingiram os 153,5 milhões de euros no ano de 2018, 22,8 milhões de euros acima do contabilizado no ano precedente. Por sua vez, as aquisições feitas a países Extra-UE aumentaram de 18,4 milhões de euros em 2017 para 20,5 milhões de euros em 2018.

Segundo a análise feita pela DREM, as empresas licenciadas no Centro Internacional de Negócios da Madeira (CINM) foram responsáveis por exportações no valor de 197,7 milhões de euros em 2018, valor superior aos 130,4 milhões de euros observados no ano precedente. O peso das exportações realizadas por aquelas empresas face ao total foi de 86,4% no ano em análise (85,1% em 2017).

No que diz respeito às importações realizadas pelas empresas licenciadas no CINM, observa-se que o valor dos bens adquiridos a empresas estrangeiras em 2018 ultrapassou os 68,6 milhões de euros, montante superior ao do ano precedente, no qual rondou os 56,8 milhões de euros. Este crescimento implicou um aumento da proporção das importações feitas pelas empresas licenciadas no CINM face ao total, sendo o valor de 39,4% em 2018 (38,1% em 2017).


DREM publica atualização da Série Retrospetiva das Estatísticas do Comércio Internacional  (1976-2018)

Com a divulgação da publicação das Estatísticas do Comércio Internacional de 2018 – Resultados Provisórios, a DREM procedeu à atualização da série retrospetiva das Estatísticas do Comércio Internacional.

Embora a série contenha dados desde 1976 até 2018, os mesmos surgem com maior desagregação no período posterior a 1993. É também disponibilizado um quadro resumo com os principais dados de 1976 a 1992, onde se inclui a informação relativa ao comércio da RAM com o resto do país, ou seja, com o Continente e a Região Autónoma dos Açores.

Além da desagregação em comércio intra e extra-comunitário, é disponibilizada informação segundo:

- Zonas Geográficas e países;

- Grupo de produtos (GP);

- Secção e capítulo da Nomenclatura Combinada (NC);

- Classificação por Grandes Categorias Económicas (CGCE);

- Classificação de Produtos por Atividades (CPA);

- Classificação Portuguesa das Atividades Económicas (CAE).


Para mais informação aceda a:

Cooperação Estatística Internacional

MAC14 20

Cooperação Estatística Internacional

MAC14 20

Literacia Estatística

formation3

Literacia Estatística

formation3
Go to top