tableaupublic            



Portal de Estatísticas Oficiais                     

Menu

tableaupublic            

Newsletters

Não perca tempo, subscreva já as nossas newsletters e passe a receber informação na hora...

Subscrever

Subscreva as nossas newsletters:

Estatísticas da Justiça

Justiça

Newsletters

Não perca tempo. Subscreva as nossas newsletters e passe a receber informação na hora...

No 1.º trimestre de 2022

Aumento do número de nados-vivos, face ao período homólogo, não foi suficiente para atenuar o saldo natural negativo

Nos três primeiros meses de 2022, os dados preliminares da demografia mostram que a Região Autónoma da Madeira registou um saldo natural negativo de -425 indivíduos, resultante de um número de nados-vivos (428) inferior ao número de óbitos (853). No mesmo trimestre de 2021, o saldo natural havia sido igualmente negativo, mas menos expressivo, -411 indivíduos (387 nados vivos e 798 óbitos).

O número de óbitos contabilizado no 1.º trimestre de 2022 (853) é o mais elevado da série disponível (desde 1990), sendo superior em 6,9% face ao do período homólogo.

Contrariamente à tendência de decréscimo da natalidade verificada nos últimos anos, o número de nados-vivos nos três primeiros meses de 2022 aumentou 10,6% face ao mesmo período de 2021.

Nos primeiros três meses de 2022, registou-se 1 óbito com menos de 1 ano e 3 fetos mortos.

No período em referência, realizaram-se 140 casamentos, mais 38 (+37,3%) que no período homólogo.

Movimento Populacao PT novo

 

 

Cooperação Estatística Internacional

MAC14 20

Cooperação Estatística Internacional

MAC14 20

Literacia Estatística

formation3

Literacia Estatística

formation3
Go to top